14/Dez - Encontro "Profº Clóvis Moura" de Ativistas Anti-Racistas

24-11-2013 09:50

Profº Dennis Oliveira

Em dezembro, faz 10 anos do falecimento do grande professor Clóvis Moura, intelectual que se notabilizou pelo estudo do racismo e das rebeliões negras desde os tempos da escravização de africanos no Brasil.

Em celebração ao pensamento radical deste grande intelectual, dia 14 de dezembro, das 9h às 14h,  ativistas anti-racistas fazem um encontro para discutir o genocídio da população negra em suas várias manifestações. O evento, promovido e apoiado por membros do  Celacc (Centro de Estudos Latino Americanos sobre Cultura e Comunicação), Círculo Palmarino e Instituto Luiz Gama será também uma homenagem ao sociólogo Clóvis Moura, um dos maiores estudiosos das relações raciais no Brasil, morto há dez anos.

O evento será organizado na forma de “roda de conversa”. Serão dez ou onze temas que serão debatidos a partir de intervenções especiais de especialistas convidados. Os temas que serão discutidos são conjuntura nacional, histórico da luta contra o genocídio, intolerância religiosa, a lei 10639/03 (que torna obrigatório o ensino de História da África e cultura afrobrasileira no ensino básico), a luta pelas cotas nas universidades estaduais paulistas, violência social, violência contra a mulher negra, saúde, extermínio da juventude negra e repressão aos grupos culturais de periferia.

Até o momento, estão confirmados para estas intervenções especiais Juarez Tadeu de Paula Xavier (professor da Unesp), Patrícia Alves Matos (mestranda da Unesp), Silvio Almeida (professor do Mackenzie e presidente do Instituto Luiz Gama), Juninho Jr (jornalista, presidente do Círculo Palmarino), Dulce (professora e médica do Centro de Saúde Escola Butantã), Douglas Belchior (professor e membro do Uneafro, colunista da revista Carta Capital), entre outros.

Os resultados deste debate serão sistematizados e publicados em uma revista que deverá sair no início do próximo ano em versões impressa e on line.

Para participar do evento, os interessados deverão fazer inscrição gratuita no sitehttp://www.encontroclovismoura.blogspot.com.br/. Os participantes inscritos receberão certificado de participação.

Inscrições gratuitas pelo site: http://encontroclovismoura.blogspot.com.br/.
Sobre Clóvis Moura
Clóvis Steiger de Assis Moura nasceu em 1925, em Amarante, no Piauí. Ingressou no PCB nos anos 1940, trabalhando como jornalista na Bahia e São Paulo. Foi um dos raros intelectuais que acompanhou o PC do B na ruptura de 1962. Nos anos 1970, destacou-se pela militância junto ao movimento negro brasileiro. Clóvis Moura produziu importante obra sociológica, histórica e poética. Em 2003, publicou-se trabalho coletivo sobre o autor: ALMEIDA, L.S. de [Org.] O negro no Brasil: estudos em homenagem a Clóvis Moura. [www.edufal.br]. 

Nos últimos anos, comunista sem partido, colaborou com o MST-Movimento dos Sem Terra, produzindo ensaios para a Editora Expressão Popular. Faleceu, em fins de dezembro, no Hospital Alberto Einstein, em São Paulo, aos 78 anos. Em 2003, passara longos meses internado devido a câncer na garganta

"Intelectual marxista conseqüente, apaixonado pela vida, a sua e a dos outros, destacou-se pela retidão, perseverança e bom humor desbocado. Deixa saudades entre os que o conheceram pessoalmente ou através de sua obra", destaca
Mário Maestri, historiador. 

Ele enfatiza que “Clóvis Moura é um cientista social brilhante e disciplinado que sempre correu por fora da academia – solto, livre, nas franjas da interdisciplinaridade –, ainda que a academia brasileira tenha constantemente solicitado a sua presença em eventos, conferências, seminários e, especialmente, em exames de teses na qualidade de professor "notório saber", título que há anos lhe foi outorgado pela Universidade de São Paulo.". 

E, assim, trabalhando nessa nesga não-institucional, onde as costumeiras dificuldades de pesquisador aumentam, consideravelmente, Clóvis Moura foi construindo, ele com ele, nos recantos de sua rica biblioteca, vasta e notável obra – histórica e sociológica – sobre a saga heróica do negro-escravo e do negro-quase-cidadão na sociedade nacional. Todos os estudiosos da questão racial brasileira estão familiarizados com seus livros, cujos títulos constam obrigatoriamente das bibliografias dos estudos que vão surgindo, por se constituírem em referências indispensáveis às reflexões científicas sobre essa temática a um só tempo tão apaixonada e tão apaixonante”. João Baptista Borges Pereira –in Prefácio ao Dicionário da escravidão negra no Brasil-Edusp citado em O último legado de Clóvis Moura - Estud. av. vol.18 no.50 São Paulo Jan / Apr. 2004
 
Serviço:

Encontro de Ativistas Anti-Racistas “Prof. Clóvis Moura”

Data: 14 de dezembro de 2013, sábado

Horário: 09h00 às 14h00

Local: Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo

Auditório Paulo Emilio – 2º. Andar do prédio principal]

Av. Prof. Lúcio Martins Rodrigues, 443 – Cidade Universitária

São Paulo (SP)

Mais informações pelo telefone 99965-0004 (c/ Dennis) ou pelo email:contraogenocidio@gmail.com