SOS RAcismo - Saiba como identificar e denunciar o racismo

01-11-2012 23:41

SOS RACISMO
0800-77-33-886
DISQUE DENÚNCIA

Informações: sosracismo@al.sp.gov.br

O serviço SOS Racismo está instalado na sala S03 do Palácio 9 de Julho, sede da Assembleia Legislativa de São Paulo e tem um Disque Denúncia contra o preconceito, a discriminação e a intolerância racial e cultural.

O SOS Racismo realizará convênios com instituições públicas, organizações não governamentais e universidades com o objetivo de garantir atendimento jurídico e psicológico às vítimas da discriminação e do preconceito.

O SOS Racismo existe e trabalha para que possamos viver numa sociedade igualitária, onde ninguém seja discriminado por causa da cor, gênero, origem, credo, orientação sexual ou deficiência.


 
 
Alguns critérios que identificam prática de racismo e o que fazer


O racismo é praticado quando:
 

1. o acesso ao emprego, ou à valorização profissional, é negado por causa da cor da pele e/ou origem;
2. há impedimento ou recusa à entrada de pessoas em restaurantes, hotéis, bares, clubes, casas de diversões, salões de beleza, bem como às entradas sociais de edifícios, elevadores e transportes públicos, por causa da cor da pele e/ou origem;
3. há prática, indução ou incentivo à discriminação e ao preconceito por causa da cor da pele e/ou origem;
4. há recusa ou impedimento à freqüência de alunos em escolas, cursos ou universidades por causa da cor da pele e/ou origem;
5. há tentativa de impedir ou dificultar o casamento ou a convivência familiar e social em virtude da cor da pele e/ou origem.


Como agir em caso de discriminação:

1. Anote o endereço e telefone das pessoas que testemunharam o fato;
2. Vá até a delegacia e registre um Boletim de Ocorrência.

Procure o SOS Racismo
SOS RACISMO
0800-77-33-886

Atendimento de segunda a sexta-feira
das 09:00 às 19:00 horas
Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo
Av. Pedro Álvares Cabral, 201 - subsolo - sala 03 - Ibirapuera
E-mail:
sosracismo@al.sp.gov.br